Receita Federal pode ser comandada por gente de fora do órgão

Depois de demitida do comando da Receita Federal pela multa milionária aplicada à Petrobras, Lina Vieira parece querer deixar uma herança no órgão. Superintendentes ligados a ex-secretária sugeriram ao ministro da Fazenda Guido Mantega, quem tem a missão de escolher um substituto, dois nomes de fora da Receita Federal e de pretígio fora e dentro do governo: Paulo Nogueira Batista Júnior, representante do Brasil no FMI e Márcio Pochmann, presidente do IPEA.

Os dois economistas defendem as mesmas políticas de Lina Vieira: justiça fiscal e aperto na fiscalização de contribuintes grandes como a Petrobras.

Relatos sobre os encontros onde os superintendentes sugeriram os nomes a Mantega contam que o ministro ficou surpreso ao ouvir a proposta e nada respondeu. Procurado através de sua assessoria, também não quis retornar qualquer resposta.

Por Diego Diniz

Postar Comentário