Nota Fiscal Paulista cria chances até para aquisição de casa própria

Os sorteios da Nota Fiscal Paulista distribuem valores relativos à parte de impostos recolhidos na compra de produtos em São Paulo. A iniciativa do Governo tem como intuito devolver créditos aos cidadãos que no ato da compra das mercadorias informaram o CPF ou CNPJ, solicitando Nota Fiscal Paulista.

Os sorteios têm reembolsado os consumidores que aproveitam a quantia recebida para efetuar novas compras ou fazer como um moradora de São Paulo, que ao receber o cheque símbolo no valor de R$ 20 mil, relativo ao oitavo sorteio da Nota Fiscal Paulista, disse que irá realizar o sonho da casa própria.  A senhora Renilda Galvão Machado, que atualmente mora com uma tia e trabalha como gerente de uma loja de um shopping no centro de São Paulo, externa muita alegria ao falar que agora poderá comprar uma casa e sair da dependência do aluguel.

E a nota fiscal Paulista promete muito mais alegrias, pois, os sorteios continuam. Para o mês dos pais os três primeiros sorteios serão multiplicados por quatro e sobem para R$ 200.000, R$ 120.000 e R$ 80.000. Os resultados poderão serão acessados no site www.nfp.fazenda.sp.gov.br até o dia 15 de agosto.

4 respostas para "Nota Fiscal Paulista cria chances até para aquisição de casa própria"

  1. Eu gostaria de saber até procede as informações de que O PROGRAMA NOTA FISCAL PAULISTA alimenta a Receita Federal sobre gastos dos consumidores.
    Se alguém souber me informe, por favor.
    lrs10@pop.com.br

  2. gostaria de saber onde devo declarar na minha declaração de imposto de renda os creditos utilizados da Nota Fiscal Paulista. Ninguém sabe informar.Aguardo i9nformes neste site. obrigada sara

  3. José Vicente de Mattos · Editar

    Resumo aqui publicação do Jornal da Tarde de 18/03/10: Quem teve rendimentos da Nota Fiscal Paulista em 2009, deve informá-los:
    a) Se forem prêmios: em Rendimentos Tributáveis Exclusivamente na Fonte.
    b) Se forem créditos: em Rendimentos Isentos e Não tributáveis.
    Ou seja, não pagará nada a mais por isso.
    O informe pode ser obtido no site do programa da NFP: http://www.nfp.fazenda.sp.gov.br
    Se esquecer de declarar, tem cinco anos para retificar. Por enquanto não há multas pela retificação (está sendo estudada para futura implantação).
    A multa é só para quem não entregar a declaração no prazo.
    O risco que já existe, declarando ou não, é o cruzamento de informações.
    Os órgãos fiscais controlam nossa movimentação economico/ financeira. Pelos créditos das Notas terão uma idéia se os rendimentos que declaramos ao IR são compatíveis com as compras feitas.

Postar Comentário