Receita Federal orienta sobre e-mails falsos

A Receita Federal do Brasil divulgou mais uma informação importante a todos os contribuintes brasileiros para que prestem atenção a e-mails falsos que estão circulando pela internet.

Segundo esta mensagem inverídica, o cidadão possui divergências na Declaração de imposto de renda do ano de 2012 e coloca links que podem ser acessados para a regularização do suposto débito.

No entanto, a Receita Federal informa que não envia e-mails sem a anterior autorização do contribuinte e que estas mensagens são mandadas por quadrilhas especializadas em crimes eletrônicos que buscam obter informações fiscais e até mesmo financeiras dos cidadãos brasileiros.

Veja a seguir um exemplo destas mensagens falsas veiculadas na internet em nome da Receita Federal:

Receita Federal – Intimação eletrônica de débitos

Prezado(a) Senhor(a)

De acordo com o advento da Lei Federal nº 11.419, de 19.12.06: § 6º As intimações feitas na forma deste artigo, inclusive da Fazenda Pública, serão consideradas pessoais para todos os efeitos legais..

Devido as divergências da sua IRPF2012, a sua declaração foi direcionada para o departamento de análise estando o senhor(a) intimado(a) a comparecer imediatamente à agência da Receita Federal mais próxima, munido de número de recibo de entrega da sua declaração e número do processo juntamente com documentação de identificação pessoal.

Segue em anexo a este documento processo com número de protocolo e do recibo de entrega da declaração 2012.

   iprf2012 0526.doc

   iprf2012 0526.pdf

Caso haja inexatidão no(s) registro(s), V.Sa poderá fazer a correção instalando nosso Programa IRPF 2012.

O Programa IRPF2012 pode ser utilizado em qualquer sistema operacional, desde que obedecidas as seguintes instruções:de acordo com o sistema operacional, faça o download e o instale:

instalador do IRPF2012

Para aqueles que receberem uma mensagem como esta, a Receita Federal do Brasil orienta a realização das seguintes ações:

– Não abrir anexos existentes no e-mail recebido que contém programas para danificar o computador ou para obter dados confidenciais.

– Não entrar nos links fornecidos mesmo que tenha o timbre e o nome da Receita Federal.

– Excluir de forma imediata a mensagem.

Fonte: Receita Federal do Brasil

Por Ana Camila Neves Morais

Uma resposta para "Receita Federal orienta sobre e-mails falsos"

Postar Comentário