IR 2014 – Regras e tributações

1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas6 estrelas7 estrelas8 estrelas9 estrelas10 estrelas (1 votos, média: 10,00 de 10)

     





A Receita Federal ainda não divulgou as regras do Imposto de Renda para este ano, 2014, porém algumas informações já não são mais novidade. Uma delas trata da tabela para pessoas físicas, a qual será corrigida em 4,5%, valor fixado de forma anual até 2015. Tal medida aumentará o número de contribuintes que precisarão declarar IR, afinal o teto máximo para estar isento da declaração subirá menos do que a inflação.

Confira as faixas de tributação para cada caso:

- Contribuintes que possuem renda de até R$ 1.787,77 por mês serão isentos do IR (em 2013 o valor estava fixado em R$ 1.710,78);

- Para contribuintes com rendimentos mensais entre R$ 1.787,78 e R$ 2.679,29 a tributação será de 7,5%;

- Para contribuintes com valores entre R$ 3.572,44 e R$ 4.463,81 mensais a tributação será de 22,5%;

- Contribuintes com salário mensal acima de R$ 4.463,81 serão taxados em 27,5%.

Não diferente dos outros anos, o início do prazo para declarar o IR deve ser em março, estendendo-se até o final de abril. Os trabalhadores poderão efetuar a entrega pela internet, através do programa Receitanet. Nos últimos anos, era possível também entregar a declaração via disquete nas agências da Caixa Econômica Federal ou do Banco do Brasil, mas essa opção ainda não foi confirmada para 2014.

Modelos de entrega:

Há dois modelos para a entrega do documento em 2014: o simplificado ou o completo. Quem optar pelo simplificado embutirá um desconto de 20% na renda tributável, sendo que o limite de desconto deverá ser de R$ 15.197,02.

Já na declaração completa, a dedução por dependentes poderá ser de R$ 2.063,64; para despesas médicas não há limite máximo a ser deduzido – são consideradas despesas médicas os custos tidos com Dentistas, Médicos, Psicólogos, Terapeutas Ocupacionais, Fisioterapeutas, Fonoaudiólogos, Serviços Radiológicos, Hospitais, Exames de Laboratório, Aparelhos Ortopédicos, Próteses Ortopédicas e Próteses Dentárias.

Por Rafaela Fusieger

IR 2014 IR 2014   Regras e tributações

Foto: Divulgação

perfil IR 2014   Regras e tributações


Participe! Deixe um comentário sobre esta matéria.

Quer realizar um comentário?





RSS RSS (comentáos)