Regras de Pagamento: IPTU 2014 SP

Cada cidade possui regras específicas para pagar o IPTU e em São Paulo, região municipal com maior número de habitantes no Brasil, não é diferente. De acordo com o site oficial da prefeitura paulistana o pagamento pode ser feito em no máximo dez vezes, a partir de fevereiro. Existem pessoas que possuem isenção da taxa, como no caso dos pensionistas do INSS, por exemplo, que precisam realizar o pedido até janeiro, do contrário o sistema público não concede a licença para deixar de pagar.

Imóveis que de acordo com o poder público valem menos de R$ 73.850 também não pagam, com a vantagem de que proprietários não precisam se preocupar em solicitar a isenção feita de forma automática. Interessante notar que quem decide pagar à vista conquista desconto de aproximados quatro por cento do valor total. O pagamento precisa acontecer na íntegra antes de vencer a primeira parcela.

Não se pode ignorar o fato de que os pagamentos à vista ou a prazo são feitos apenas nas redes bancárias que são credenciadas a receber o IPTU 2014 SP, grupo que na prática tem o nome dos principais bancos da cidade. Quem deseja não ter preocupação em enfrentar fila para pagar as parcelas pode solicitar o débito automático. Para isso existe a necessidade de fazer o preenchimento da Notificação de Lançamento e na sequência realizar a entrega na instituição bancária em que há conta corrente ativa.

Necessário prestar a atenção para não pagar em atraso, pagamentos atrasados acarretam valor de 0,3% de juros, com limite de no máximo 20% na cobrança geral. Atenção! Para fazer o pagamento da parcela atrasada se faz necessário solicitar a segunda via na internet (site da prefeitura), ou de forma pessoal, no endereço: Vale do Anhangabaú, 206. Não existe necessidade de apresentar comprovação de pagamentos anteriores para pagar as parcelas do mês que não está em carência.

Por Renato Duarte Plantier

Fonte: Prefeitura.sp.gov.br

Uma resposta para "Regras de Pagamento: IPTU 2014 SP"

  1. eduardo disse:Ronaldo,“Existe raze3o lf3gica para Israel e EUA terem arma nuclear e o Ire3 ne3o poder ter a sua?”Eu fico muito mais tlqiaunro com os EUA e Israel tendo armas nucleares do que o Iran, o Paquiste3o ou a Core9ia do Norte. Simplesmente porque EUA e Israel se3o paedses democre1ticos, onde seus governos devem prestar conta de suas ae7f5es para sua populae7e3o, onde existe liberdade de imprensa, eleie7f5es competitivas e um poder judicie1rio independente, ou seja, he1 mecanismos de controle das ae7f5es dos governos. Iran, Paquiste3o e Core9ia do Norte se3o ditaduras, sendo que o Iran e9 do pior tipo, uma teocracia. Nesses regimes, um sujeito porralouca como o Ahmadinejad pode assumir o controle do governo, enforcar os dissidentes e tentar impor sua vise3o maluca do mundo pela fore7a das armas.Nessa linha, acho que a comunidade internacional tem de se preocupar sim com a possibilidade do Iran adquirir capacidade de construir armas nucleares. Grandes poderes devem vir acompanhados de grandes responsabilidades e compromissos.

Postar Comentário