Entrega da declaração do Imposto de Renda 2017

Inicia no dia 2 de março e vai até 28 de abril o prazo para entregar a declaração do imposto de renda.

Os contribuintes devem atentar-se às datas para entrega da declaração do imposto de renda 2017.

A partir de 2 de março, inicia-se o período de entrega das declarações de imposto de renda, prazo esse que estende-se até dia 28 de abril. O documento entregue deve dizer respeito ao ano-calendário de 2016, contemplando o cronograma apresentado pela Receita Federal no último dia 06 (janeiro).

Desde o dia 20 de janeiro, estão disponíveis no site da Receita Federal, os arquivos referentes à declaração de 2017: o carnê-leão, para os profissionais liberais, e também o programa de ganho de capital, responsável pela apuração de lucro e respectivo imposto de renda em caso de direitos de qualquer ordem e vendas de bens, dentro disso, também encontramos para download, documentos a respeito do recebimento de parcelas referentes a vendas a prazo, negociadas em anos anteriores, com tributação adiada.

A tabela de reajuste do salário de contribuição pode ser encontrada no site (para aplicação das alíquotas do imposto de renda 2017).

Estará presente no site da Receita Federal, também, a partir do dia 23 de fevereiro, o programa para declaração do Imposto de Renda.

Outras informações:

Este ano, a Receita Federal está requerendo o registro de dependentes de forma diferenciada. Por conta de registros fraudulentos, como cadastro de dependentes fictícios e registro do mesmo dependente em mais de uma declaração, a cada ano, a faixa etária da obrigatoriedade para requerimento do CPF, diminui. Em 2014, era necessária a apresentação de CPF apenas para maiores de 18 anos, sendo que, a cada ano, essa idade caiu 2 anos, sendo obrigatório, para 2017, o cadastro do CPF para todos os dependentes que completaram 12 anos até 31 de dezembro de 2016. Portanto o contribuinte deve providenciar o documento, caso seu dependente ainda não o possua, para se manter em regularidade.

É importante para todos os contribuintes atentarem-se para as orientações publicadas pela Receita Federal, como também para os documentos, datas e prazos, como também para o ano-calendário 2016, a fim de não se perderem na hora de entregar a declaração do imposto de renda 2017.

Por Carolina De Marco Brandenbergher

Imposto de Renda 2017

Postar Comentário